Cosplay | O significado e as origens do hobby que está mais popular

Oi povo, tudo bem com vocês? No mês passado eu comecei a publicar entrevistas com cosplayers aqui na Nii-Sans Produções e que fizeram sucesso, então diante disso vou publicar novas entrevistas todos os meses. Afinal, a arte está crescendo e é importante registrar um pouco desse maravilhoso universo. Mas o que é cosplay? Além disso, qual a origem da arte?

Vamos então falar um pouco sobre o tema?

Antes de tudo, o conceito de cosplay

Kah Martins como Princesa Tiana
Kah Martins como Princesa Tiana

Antes de tudo, certamente devo começar trazendo o conceito da arte. Assim sendo, conforme o portal Cosplay Brasil:

Contração das palavras em inglês costume (traje/fantasia) e play / roleplay (brincadeira, interpretação), o cosplay é um hobby que consiste em fantasiar-se de personagens pertencentes, em grande parte, ao vasto universo do entretenimento, como games, quadrinhos, filmes, séries de TV, livros e animações. Em menor escala há aqueles que caracterizam-se como figuras históricas ou a partir de criações originais. – Cosplay Brasil

Ou seja, arte é simplesmente você se caracterizar como um personagem que você goste muito e ir se divertir!

Os principais aspectos da arte são, em suma, a criação de os trajes e atuação do personagem escolhido. Tal hobby tende a ser praticado durante eventos específicos, por exemplo as convenções de anime e jogos.

Os cosplayers Gildecy Rachel e Isaura Fernandes com o cosplay de Chapeleiro Maluco
Os cosplayers Gildecy Rachel e Isaura Fernandes com o cosplay de Chapeleiro Maluco

Atualmente, muitos aproveitam desse hobby até para tratamentos para ansiedade e depressão e diversos casos ficaram famosos na internet, como por exemplo a Solange Amorim fez bastante sucesso em 2015 como Vovó, da animação “Piu Piu e Frajola”. Então, de acordo com a notícia da BBC News Brasil, a caracterização de Solange foi escolhida como a melhor durante um evento – e a Solange sequer imaginava que a galera fosse gostar dela! Solange possuía medo de ser ridicularizada, pois já estava com 48 anos – parte do medo foi gerado pela depressão e por ter vivido um relacionamento abusivo!

Origem

Thaiza Montine com o cosplay de Princesa Leia, em uma ação num restaurante do Shopping Cerrado (Goiás).
Thaiza Montine com o cosplay de Princesa Leia, em uma ação num restaurante do Shopping Cerrado (Goiás). A professora e artista conta que o dono do restaurante é fã de Star Wars!

A origem do cosplay no Ocidente está ligada às convenções de ficção científica nos Estados Unidos e posteriormente foi ao Japão, começando nos eventos de anime e mangás. Conforme o site Cosplay Brasil, o primeiro cosplay foi feito em 1939 quando dois jovens foram fantasiados para a 1ª World Science Fiction Convention, em New York. E assim sendo, os dois jovens acabaram por causar entusiasmo entre o público e as fantasias da dupla fizeram tanto sucesso que no ano seguinte diversos fãs foram à convenção em trajes de ficção científica.

O hobby foi crescendo ao longo dos anos, e o site Cosplay Brasil conta que tempos após a 1ª World Science Fiction Convention surgiram então os concursos de fantasia e cosplay masquerades. Nobuyuki Takahashi, do estúdio japonês Studio Hard, visitou a Worldcon de 1984 em Los Angeles e gostou bastante dos concursos e posteriormente publicou sobre isso em revistas japonesas de ficção científica e não demorou para concretizar o termo: Cosplay. Isso fez toda a diferença para o meio cosplay, pois popularizou a arte tanto no Ocidente quanto no Oriente – tanto que na década de 1990, a arte cosplay já estava em uma escala muito maior.

Sim, em 1984 que surgiu a palavra cosplay!

Pode-se dizer que a única bagunça é que muitos creem que o cosplay foi criado no Japão, mas já vimos que os Estados Unidos começou muito antes com essa arte. Talvez, parte da confusão seja pela diferença da visão dessa arte nos Estados Unidos e no Japão. Em suma, nos Estados Unidos,  ainda seguem o modelo criado no Worldcon: os cosplayers criam suas próprias fantasias e competem em convenções de fãs e fantasias originais são mais incentivadas. Já aqui no Brasil, o comum é fazermos então mais parecido com a arte no Japão, em que o cosplay é mais ligado ao personagem existente, mesmo que não seja de anime ou mangá.

Algumas das expressões utilizadas no meio cosplay:

Cosplayer: Kah Martins
Cosplayer: Kah Martins

Mesmo quem já está no meio otaku e no meio cosplay há algum tempo, ainda pode ficar meio perdido com algumas expressões, afinal tais expressões estão sendo mais utilizadas recente. Portanto, vim trazer três das expressões mais utilizadas e vocês podem comentar na matéria sobre mais expressões e termos utilizados.

Afinal de contas, o que é Cosplayer?

Falemos em primeiro lugar da expressão cosplayer, que é a pessoa que faz cosplay – tanto como hobby quanto como trabalho. A expressão foi utilizada algumas vezes na matéria e como alguns se confundem ainda, então não poderia faltar aqui.

E o que é Cosmaker, afinal?

Em segundo lugar, os cosmakers que são as pessoas especializadas em criar as roupas e acessórios para o cosplay. Dessa forma, muitas costureiras resolvem se especializar em figurinos artísticos, assim como muitos se especializam em adereços para teatro e para cosplays. Pode ser um trabalho demorado, mas o resultado é simplesmente maravilhoso.

O que é Job Cosplay, afinal?

E concluindo então sobre as expressões mais utilizadas no meio cosplay: muitas pessoas estão aproveitando essa arte como hobby e também como uma forma de trabalho e grana extra. Desse modo, muitos já usam o nome trabalho cosplay ou simplesmente job cosplay. Por exemplo, ao realizarem algumas ações e eventos, alguns shoppings contratam cosplayers para animar tais ações e fazer muitos vídeos e fotografias legais!

Outro exemplo certamente importante é quando uma pessoa contrata cosplayers para animar suas festas.

Um último exemplo são músicos possuem o cosplay como hobby e, assim sendo, muitas vezes trazem isto ao trabalho. O baterista brasileiro Caio Gaona já aproveitou dessa forma de arte na gravação de alguns de seus clipes. Caio já lançou várias versões e covers de séries e animes, da mesma forma que lançou músicas autorais com inspirações no meio geek e nerd – e um dos trabalhos recentes de Caio Gaona foi a música Rise Above Pain, inspirada na HQ O Corvo. Enfim, deixo abaixo a versão feita pelo Caio Gaona do tema da série Mandalorian.

 

Sem dúvida alguma, Cosplay é para todos!

Comumente nós ouvimos a frase “cosplay é para todos”, mas raramente vemos uma real diversidade e sinceramente talvez essa tenha sido a principal motivação para essa matéria. Desse modo, vou apresentar para vocês alguns cosplayers que admiro bastante, e alguns deles fugindo de padrões!

Certamente, logo teremos entrevistas com todos os cosplayers mostrados na matéria e muitos outros também!

A cosplayer Kah Martins como Hera Venenosa
A cosplayer Kah Martins como Hera Venenosa

 

Sugestão de vídeo

Certamente há muitos vídeos por aí que falam sobre o tema, mas um dos melhores é da cosplayer Nana Claire, que possui um canal no YouTube e fez o vídeo chamado “O que é cosplay?”. A Nana também já fez outros vídeos bem legais sobre a temática, então recomendo bastante os vídeos dela!

 

As entrevistas já realizadas pela Nii-sans Produções:

Em primeiro lugar, a entrevista com a diva Giovana de Fátima (ou acesse aqui)!

Giovana como Shun de Andromeda
Giovana de Fátima como Shun de Andromeda

Temos também, em segundo lugar, a entrevista com o artista Gildecy Rachel (ou acesse aqui)!

Gildecy Rachel como Chapeleiro Maluco
Gildecy Rachel como Chapeleiro Maluco

E em terceiro lugar, a última entrevista publicada foi com a advogada Maria Helena Pires (ou acesse aqui)!

Maria Helena como Arlequina do filme Aves de Rapina
Maria Helena como Arlequina do filme Aves de Rapina

 

Em conclusão, é isto. Eu espero então que tenham gostado da matéria!

Comentários

Comentários

Austra Caroline Pinheiro

Goiana. Arqueóloga, focada em Educação Patrimonial. Redatora. Escritora. Apaixonada pela Cultura Brasileira e pela Cultura Geek. Cosplayer nas horas vagas, gótica e gamer. Aqui na Nii-Sans Produções, colaboro com matérias sobre o universo geek: notícias, entrevistas com cosplayers, listas de filmes e animes, curiosidades e muito mais!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *